domingo, 31 de outubro de 2010

Slash fala sobre Steven Tyler e Duff tocando com o Axl

"O lendário guitarrista Slash (VELVET REVOLVER, GUNS N 'ROSES) foi o convidado especial na edição de sexta-feira, 29 de outubro, do programa de rádio "Friday Night Rocks" de Eddie Trunk. Alguns trechos da entrevista seguem abaixo:

Sobre o vocalista do Aerosmith, Steven Tyler, ter aceito participar do programa "American Idol":
Slash: "É realmente decepcionante que ele tenha feito isso, por qualquer razão – tendo em vista o fato de eu conhecê-lo, conhecer o restante da banda, saber a chateação deles e considerando o tempo de estrada. E isto só porque 'American Idol' é o que é, difícil eu conseguir compreender".
Sobre Duff McKagan se juntar no palco com o GUNS N 'ROSES no dia 21 de outubro, em Londres, Arena O2 da Inglaterra:
Slash: "Foi legal. Eu recebi um e-mail do Duff dizendo 'eu estou em um hotel, e Axl [Rose, vocalista do GUNS N' ROSES] está no quarto ao lado'. E foi assim que tudo começou. E ele meio que me manteve atualizado ao longo do dia e em um momento ele disse que estava indo para o local com Axl. E eu fiquei tipo, 'Uau!' Porque vários anos se passaram. E a próxima mensagem é que ele estava indo juntar-se ao palco com eles ou algo do tipo. E assim foi, e eles tocaram cinco ou seis músicas. Então foi legal. E no dia seguinte ele me disse que foi ótimo, tudo estava muito legal, eles saíram e jantaram, e assim eles, sei lá, se restabeleceram ou algo do tipo. Tudo considerado, a única coisa que eu disse sobre isso foi que... porque eu sei que eles ainda acabaram se apresentando com uma hora de atraso. E eu estava, tipo, 'Oooh.' Essa é a única parte que teria deixado um gosto ruim na minha boca, apoiar isso".
Sobre o porquê de ele (Slash) parecer ser o único membro da formação clássica do Guns N 'Roses com quem Axl não está “bem”:
Slash: "Eu acho que há alguma coisa profundamente semeada ali. E realmente só pode ser do momento em que eu finalmente disse 'eu tenho que ir". Acho que houve uma certa sensação de abandono. Provavelmente decorre disso. E mesmo que eu tente manter minhas falas politicamente corretas nessas situações, eu tenho expressado a minha opinião sobre a situação, especialmente quando o primeiro trabalho do Velvet Revolver saiu. Eu fui inundado com toda a imprensa presente e isso era tudo que queriam perguntar, e minha primeira reação foi desafogar. Então havia um monte de negatividade que foi expressa naquele momento e tem sido perpetuada pela mídia. Portanto, existe um certo tipo de tensão retida".
Sobre considerações em fazer parte de uma reunião da formação clássica do Guns N 'ROSES:
Slash: "Já se passou muito tempo. Considerando tudo, se ele [Axl] decidisse que ele realmente quer fazer isso e os outros caras também quisessem fazê-lo... Quer dizer, eu sei que estão todos por aí, mas não houve nenhuma conversa, tipo, 'Vamos reunir a banda novamente’. Se todos quisessem fazê-lo, e estivesse tudo claro entre nós - o que significaria limpar algumas coisas pessoais, o que hoje nós sequer começamos a fazer, então a maior e mais importante parte do que fomos [estaria de volta]... Porque parece que seria muito divertido de fazer! Só voltar, parece algo relativamente simples e há milhares de fãs que amariam ver isso. Seria legal. Mas nós teríamos que fazer as coisas diferentes de como fizemos em 91, 92, 93, ou que seja.... E eu não acho que isso seja desafiador. Essa produção toda teria de ser reduzida e funcionar como uma banda real de trabalho, e eu não acho que isso seja recuperável"."

Por: Whiplash

Momento Motivacional

Desculpem pela falta de postagens essa semana....

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

domingo, 24 de outubro de 2010

Novo Vídeo Angra - Lease Of Life



Não foi a música que eu mais gostei do album mas finalmente o Angra tem um belo videoclipe

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Body Art: Scarification

Hoje o post não é para quem tem coração e estomâgo fraco, vamos falar de Escarificação
mass...O que é isso?
Escarificação é uma técnica de modificação do corpo que consiste em produzir cicatrizes no corpo através de instrumentos cortantes. O processo de escarificação envolve cortar uma imagem na pele e propositalmente irritar a ferida para encorajar o crescimento de tecido de granulação durante a cicatrização.Os tipos de escarificação são o branding, feito através de queimaduras e o scar, feito cortando-se a pele e em alguns casos removendo áreas maiores de epiderme.Muitas pessoas usam a modificação corporal como ritual de passagem em suas vidas.














Particularmente eu não faria, mas e vc faria uma dessas?

Momento Motivacional


quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Filosofia do Dia

"Tamanho não é documento e dinheiro não traz felicidade’. (Autor desconhecido, pobre e de pinto pequeno)



terça-feira, 19 de outubro de 2010

Hackers atacam site de Gene Simmons e o deixam furioso

"Após fazer declarações polêmicas em relação aos fãs que fazem downloads de músicas sem pagar, Gene Simmons se tornou o alvo de diversos internautas ao redor do mundo que se juntaram e atacaram dois dos websites do músico, SimmonsRecords.com e GeneSimmons.com."
"O ataque foi realizado por um grupo chamado Anonymous, que anteriormente iniciou um projeto chamado "Operação Vingança" (http://tieve.tk/about.php) que tinha como objetivo atacar escritórios de advocacia e associações a favor de direitos autorais, incluindo a MPAA (http://www.mpaa.org/), cujo site foi invadido esta semana.

De acordo com um relato do blog DANGER NAZI ZOMBIES AHEAD, inicialmente o grupo Anonymous estava dividido se deveria ou não atacar artistas individualmente, como Gene Simmons, mas as declarações do músico parecem ter irritado parte dos membros, que decidiram atacar de forma independente. Após o ataque realizado, ambos sites do músico ficaram inacessíveis e o grupo escreveu um tweet informando que não apoiam o ataque, porém, como era esperado, Gene Simmons se manifestou, através do seguinte comunicado, que desta vez irritou o grupo como um todo:
Alguns de vocês devem ter ouvido: nossos sites foram atacados por hackers.
Nossa equipe de advogados e o FBI estão trabalhando no caso e encontramos alguns, devo dizer, jovens "aventureiros", que sentiram estar acima da lei.
E, como dito no meu discurso no MIPCOM, nós vamos processá-los.
Primeiro, eles serão punidos.
Segundo, eles podem encontrar suas pequenas bundas na cadeia, logo ao lado de pessoas que estiveram lá por anos e estão procurando por uma nova namorada.
Nós vamos em breve divulgar seus nomes e fotos.
Nós vamos encontrar vocês.
Vocês não podem se esconder.
Fiquem ligados.

A posição do grupo Anonymous, anteriormente neutra, mudou. Neste domingo o grupo divulgou o comunicado de Gene através do seu perfil no Twitter e insinuou que iria atacar. Nesta segunda-feira o anúncio do ataque foi feito. Segundo uma atualização na página do grupo, após este ataque oficial, o website GeneSimmons.com foi redirecionado para o famoso website de torrents The Pirate Bay. Aparentemente esta mudança foi temporária pois no momento da publicação desta notícia o redirecionamento não está ativo mas ambos sites estão fora do ar.
O blog DANGER NAZI ZOMBIES AHEAD comentou a declaração de Gene Simmons, dizendo ser bastante improvável que Gene Simmons e o FBI tenham identificado os autores dos ataques, visto que parte dos ataques são realizados através de botnets, ou seja, computadores infectados que são utilizados por hackers para atacar, normalmente sem que os donos fiquem sabendo disso. Essa forma de ataque exige um grande trabalho do FBI para identificar cada computador e determinar se o mesmo foi responsável por algum ataque ou se é somente um computador infectado, para então contactar os provedores de acesso, pedir os dados dos usuários, ir com um mandado na casa dos usuários identificados, fazer a perícia nos computadores, para então possivelmente identificar realmente um culpado, algo praticamente impossível de ser feito em dois ou três dias.


Se nem o Gene Simmons pode lutar contra os hackers, o quê será de nós? Pessoas comuns?

Hoje, bug no blogger

Hoje, iria eu postar uma imagem para que todos começassem a semana bem rindo um pouco na segunda-feira, entretanto, abri meu blogger e encontro a seguinte mensagem:
"Image uploads will be disabled for two hours due to maintenance at 5:00PM PDT Wednesday, Oct. 20th."
Fica aqui a lembrança: Segunda-feira é, realmente uma merda. Não importa onde você esteja, como esteja seu bom humor a segunda sempre arranja um geito de acabar com este. ¬¬

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Baterias Customizadas

Depois do post das guitarras aqui vai uma série das mais loucas baterias










quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Critica o uso de Crazy Train por Igreja

"“Estou enojado e aborrecido com o uso da 'Crazy Train' para promover mensagens de ódio e do mal por uma ‘Igreja,’” disse Ozzy Osbourne em resposta à notícia de que a Igreja Batista de Westboro, sediada no Kansas, usou a letra da sua música em uma audiência na Suprema Corte na terça feira, 6 de outubro. Uma advogada – filha do fundador da Igreja, juntamente com sua irmã – parafrasearam a letra da “Crazy Train” de Osbourne em uma coletiva de imprensa após a audiência na Suprema Corte em Washington D.C.

A Igreja é descrita pelo The Wall Street Journal como “uma pequena Igreja do Kansas… [que] … prega que as mortes de americanos no Afeganistão e Iraque são uma punição pela tolerância dos americanos à homossexualidade e aborto.” O site Examiner.com destacou que “suas demonstrações extravagantes nos funerais de membros heterossexuais utilizam os eventos para destacar sua crença de que as mortes de militares no exterior são punição justificada para a tolerância dos EUA ao homossexualismo. ‘Você vai para o inferno’, ‘Graças a Deus pelos soldados mortos’, e ‘Deus te odeia’ são slogans populares da Westboro.”
Em uma aparição em junho no programa de rádio transmitido em rede nacional, “Rockline”, Ozzy atacou o protesto da Igreja Batista de Westboro no funeral de Ronnie James Dio. “Eu pensei que foi de extremo mau gosto aquelas pessoas levarem aquelas faixas sobre o Ronnie James Dio. Isso é nojento. Eles dizem que somos anti-Cristos. Bem, o que faz deles melhores?”"

Por: Whiplash


Imagem De Quinta

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Iron Maiden - Fear of the sponge




"Bob Esponja, o personagem infantil criado pelo animador e biólogo marinho Stephen Hillenburg, é o protagonista do desenho animado de maior sucesso da Nickelodeon. Campeão de audiência em diversos países, inclusive no Brasil, onde é exibido na TV Globo.

Curiosamente, uma brincadeira de fãs, fez com que o personagem se tornasse famoso também no meio Heavy Metal. Ao longo das três últimas décadas, foram feitas inúmeras distorções e versões do mascote Eddie, mas os fãs de Bob Esponja foram além e recriaram todas as capas clássicas do Iron Maiden com Eddie na forma do personagem infantil.
Confira no BLOG FLIGHT 666 a divertida galeria "Visions Of The Sponge" com os melhores desenhos!"

Por: Whiplash

Guitarras, violões e afins...

Instrumentos customizados, que variam desde as tradicionais caveiras à guitarras no formato de skate e de tabuleiro ouija.

































e como não poderia faltar, controles para guitar hero xD


domingo, 10 de outubro de 2010

Momento Motivacional

Em pleno feriado prolongado a sensação que bate na maioria dos fãs de metal é o tédio, pois seus amigos (aqueles traíras) foram para São Paulo no SWU (a inveja real só bateria se eles tivessem ido no show do Rush) e deixaram você nessa cidadezinha onde não existe nada para fazer então algumas imagens para animar o seu tédio.





Não adiantou nada não é mesmo? Agora você vai ligar a TV perceberá que não tem nada passando e vai assistir o programa da Luciana Gimenez para fazer do seu feriado um antro de "emoção" haha

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Lista do Whiplash dos roqueiros mais chatos do mundo

"JON SCHAFFER (ICED EARTH)

Típico daqueles chefes de escritório que querem tudo da maneira deles, Jon é chato, mas tão chato, que é o único membro original remanescente do ICED EARTH. E isso atrapalhou sua própria banda. E todos sabem que um dos segredos para o sucesso de um grupo é a identidade que cria com seus fãs. O grupo já trocou de formação mais do que a Madonna troca de roupa nos shows. Fora os “pitis” de Mr. Schaffer, quando um membro decide sair por livre e espontânea vontade. O IE também era uma ótima banda de power metal, com riffs poderosos e criativos, mas após Jon ter ficado amiguinho dos alemães do BLIND GUARDIAN, sua música se encheu de corinhos insuportáveis nos refrões, típicas das trocentas bandas de metal melódico que existem por aí. Fora que lançar um album triplo ao vivo (excelente, por sinal) é muita pretensão pra uma banda que nunca chegou ao patamar de um METALLICA ou IRON MAIDEN.
Momento “Mala”: No auge do sentimento “anti-imperialista” americano, lança um DVD sobre a batalha de Gettysburg, sob o nome da banda. Mas é um documentário, sem músicas ao vivo nem nada! Terá Jon tentado um emprego como professor de história?

DAVE MUSTAINE (MEGADETH)
É o chorão da turma. Aquele que tem tudo que sempre quis, mas quer mais que seu vizinho. A história de Mustaine é mais ou menos conhecida por quem gosta de heavy metal. Começou no METALLICA, bebia vodka como se fosse água, foi chutado, jurou vingança e montou sua própria banda. Apesar de não ter atingido maior sucesso comercial que o METALLICA, o MEGADETH (ou MegaDave, como queiram) se tornou uma das maiores bandas de thrash metal da história, vendendo milhares de discos em sua carreira. Mas isso é pouco pra Mr. Mustaine. Numa cena emblemática do documentário "Some Kind of Monster", vemos Dave às lágrimas confessar para Lars Ulrich, baterista do METALLICA, o quanto se sente mal por ser o Nº 2. E quando essa parte do filme foi divulgada, o nosso querido Pato Donald do Metal se descabelou, e chamou Lars de feio, bobo e chato. Fora querer se comparar com Kirk Hammett (que o substituiu no METALLICA, e o que considero inferior à Dave), afirmando até que passou chifre no cara.
Momento “Mala”: Outro que não consegue manter sua banda com uma formação estável, Mustaine também tem o péssimo hábito de desancar seus ex-parceiros. Apesar de ter trabalhado com o fenomenal Marty Friedman, Mustaine veio a público dizer que seu atual guitarrista Chris Broderick é melhor. Infantilidade desnecessária.

RITCHIE BLACKMORE (DEEP PURPLE / RAINBOW)
Você já teve um amigo no seu bairro ou prédio, que era o dono da bola? Se o time dele perdesse, ou se ele se irritasse durante o jogo, pegava a bola e ia pra casa? Eis um discípulo de Blackmore. Um cara tão chato, que fazia questão de andar separado dos demais membros do grupo. Se o show de sua banda está sendo televisionado, é bom o câmera sair da frente, pois Ritchie vai meter a guitarra na fuça do pobre trabalhador (como visto no DVD "California Jam"). Em um ano que o DEEP PURPLE veio ao Brasil, exigiu uma limusine própria, mandou (porque pedir, pra ele, é coisa da plebe) organizar uma partida de futebol, e o uniforme tinha que ser azul e preto (arranjaram um jogo de camisas do Grêmio/RS) e mandou seu assessor avisar a todos que não dividissem a bola com ele, nem o olhassem na cara. Mas o jornalista André Barcinski não deu ouvidos e deu uma senhora entrada no guitarrista. Resultado: foi aplaudido até pelos jogadores do time de Blackmore.
Momento “Mala”: No DVD “Come Hell or High Water”, fica nítida a picuinha eterna entre Blackmore e o vocalista Ian Gillan. Logo no início do show, quando Gillan entra no palco, o guitarrista pega um copo d’água e joga no vocalista, que desvia e molha o câmera (mais um coitado). Sem contar que nas entrevistas entre o show, os membros só ficam falando mal do “simpático” guitarrista.

AXL ROSE (GUNS ‘N’ ROSES)
Uma lista de pessoas chatas sem Axl, não é uma lista, certo? Mas se formos listar as peripécias de Mr. Rose, não seria um texto, e sim, uma Bíblia. Mas o que dizer de um cidadão que, ao ver da sacada do hotel aqui no Brasil, suas fãs pedindo o telefone, joga o tal aparelho nos incautos, sem pensar se machucou ou não os “pobres humanos” (na concepção dele). Na outra vez que o Guns voltou ao Brasil em 1992, por medida de segurança, todos os objetos como telefones, refrigeradores, etc, foram embutidos ás paredes do quarto. Infelizmente esqueceram-se das cadeiras… E os milhares de jornalistas que sofreram nas mãos dele? Ou seus parceiros e ex-parceiros, que só podiam subir ao palco na hora que ele quisesse? Ou sua ex-esposa, que o acusou de diversas agressões (mas isso é normal, não é, goleiro Bruno do Flamengo?). Mas quem mais sofre com isso são seus fãs. Se você for a um show do grupo, e tiver a infelicidade de ser avistado por Axl, reze. Porque, se ele não for com sua cara, pode ter certeza que ele dá um jeito de te expulsar do local. Fora a espera de mais de 15 anos por um album de inéditas da banda, e descobrir que o tal é um verdadeiro lixo?
Momento “Mala”: A banda foi duramente criticada pela imprensa por incluir a música “Look at your game girl”, no álbum "The Spaghetti Incident". A música foi composta por Charles Manson, assassino notório (responsável pela morte da atriz Sharon Tate). Foi incluída por insistência de Axl e contra a vontade dos restantes membros da banda.

SHARON OSBOURNE
Ok, esta senhora assustadora não tem formação musical, mas está inserida no meio por ser empresária e esposa de OZZY OSBOURNE. E apesar de ter alavancado a carreira do Madman, é responsável também por ter aproveitado a imagem do marido pra se promover. Pior: no Reality Show da MTV, "The Osbournes", descobrimos que toda sua família é um asco. A filha Kelly é uma mimada enjoada, o filho Jack é um nerd que dá vontade de socar até dizer chega, e Ozzy… bem, o coitado do Ozzy é um vegetal nas mãos da esposa. E, mesmo que sejam as drogas e a bebida que tenham deixado ele assim, milhares de fãs ao redor do globo culpam Sharon por expor sua família de tal maneira (afinal, a mente por trás do programa era ela).
Momento “Mala”: Apesar da família disfuncional, Sharon defende-os com unhas e dentes. No festival Ozzfest, a distinta senhora contratou pessoas para jogar ovos no Iron Maiden, em retaliação às palvras do vocalista Bruce Dickinson, que criticou o programa de Ozzy. A banda sofreu uma enxurrada de ovos no palco, realizou um grande show, apesar disso, e Sharon foi vaiada durante toda essa palhaçada.

Por: Whiplash

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Fãs protestam durante abertura do Fresno no show do Bon Jovi

"Fãs do grupo americano Bon Jovi protestaram contra a banda Fresno durante o show de abertura dos brasileiros no estádio do Morumbi nesta quarta-feira (6). Xingando e fazendo gestos obscenos, vários frequentadores do setor pista reclamaram da apresentação do grupo gaúcho de emocore.

Fãs de Bon Jovi protestam contra show de abertura da Fresno nesta quarta-feira (6) no estádio do Morumbi, em São Paulo. (Foto: Daigo Oliva / G1)"Não tem nada a ver chamar uma banda como o Fresno para abrir o show do Bon Jovi", reclama William de Trete, estudante de 18 anos. Perguntada se os membros do grupo se incomodariam com as vaias e palavrões, a namorada de William Tatiane da Silva Teixeira, também estudante de 18 anos, brincou dizendo que "emos estão acostumados com um pouco de rejeição".
No final de sua apresentação, o vocalista da Fresno disse 'obrigado pelo respeito, é o sonho de qualquer banda abrir para uma lenda do rock'. (Foto: Daigo Oliva / G1)O caminhoneiro Ricardo Leone, de 32 anos, que está esperando um show com clássicos dos anos 80 e 90 do grupo americano, afirmou que "para abrir o show do Bon Jovi tem que tocar rock"."


Fãs de Bon Jovi protestam contra show de abertura da Fresno nesta quarta-feira (6) no estádio do Morumbi, em São Paulo. (Foto: Daigo Oliva / G1)

Matéria completa por: G1. com

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Citacões de astros do Rock Parte 1: John Lennon

Algumas citacões que são atribuidas à ele:

Eu tenho o maior medo desse negócio de ser normal."


"Eu sou um egomaníaco, mas quem não é?"

"Antes de Elvis Presley, não havia nada."

"Metade de mim pensa que sou um falhado, a outra metade pensa que sou Deus Todo-Poderoso."

"Quando tinha 12 anos, pensava que era um gênio e que ninguém tinha reparado. Se os gênios existirem, eu sou um, e se não existirem, não quero saber."

"A genialidade é um tipo de loucura."

"Não é divertido ser artista. Beethoven, Van Gogh, todos eles: se tivessem psiquiatras nós não teríamos esses gênios."

"Se toda a gente exigisse paz em vez de outro televisor, haveria paz."

"As pessoas falam disso [o fim dos Beatles] como se fosse o Fim do Mundo. É apenas uma banda de rock que se separou, não é nada de importante."

"Ainda acredito que só precisas de amor [all you need is love]"

"Se tentassem dar outro nome ao rock and roll, podiam chamar-lhe 'Chuck Berry'".

"O amor significa pedir desculpa de quinze em quinze minutos."

"A realidade deixa muito à imaginação."

"O amor é como uma planta. Não podes simplesmente pô-lo num vaso e esperar que cresça. Tens de cuidar dele e de o regar."

"As drogas me deram asas para voar, depois me tiraram o céu..."

"A ignorância é uma espécie de bênção. Se você não sabe, não existe dor. Provavelmente exista, mas é a maneira como eu expresso a coisa."

"Não gosto do culto da morte, de um James Dean morto, de um John Wayne morto. Eu presto culto às pessoas que sobrevivem."

E a mais famosa:
"O Cristianismo vai desaparecer. Vai diminuir e encolher. (...) Nós [Beatles] somos mais populares do que Jesus neste momento. Não sei qual vai desaparecer primeiro - o rock and roll ou o Cristianismo. Cristo não era mau, mas os seus discípulos eram obtusos e vulgares. É a distorção deles que estraga [o Cristianismo] para mim." - Entrevista ao jornal Evening Standard a 4 de Março de 1966.

domingo, 3 de outubro de 2010

Curiosidades sobre: \../

Esse símbolo tão utilizado pelos Headbangers chama-se, segundo Ronnie James Dio, Moloc, e foi o Dio que tambem utilizou esse simbolo como parte do Heavy Metal pela primeira vez, o Moloc ganhou fama porque nessa epoca Dio era o vocalista de uma das maiores bandas de Heavy Metal do mundo o Black Sabbath. Segundo a avò de Dio o Moloc mantinha o mal longe, sò foi associado com satan pela grande midia que sempre foi contra o metal.